Para o alto e avante

Em nosso primeiro dia de atividade do Blog, recebemos muito apoio e mensagens de sucesso e parabenizações. Muito obrigado, pessoal! Isso só aumenta nossa responsabilidade perante nossos leitores!!!

Como não sou acostumado a blogar (para isso, conto com a parceria e a expertise do amigo Maurício, um dos maiores e mais influentes blogueiros jurídicos brasileiros), para mim, este é um campo ainda pouco explorado. Afinal, dar a cara a tapa é sempre uma atitude de coragem e, talvez, tolice.

Isso porque, em tempos de internet e redes sociais, privacidade é commodity das mais valiosas. Mas é também incompatível com o desejo de colaboração em massa. Um blog tem, nesse sentido, a finalidade de expor e difundir informação. E isso não pode ser feito de outra maneira senão ostensivamente. Daí a responsabilidade por geração de conteúdo. Essa será, podem ter certeza, a nossa diretriz principal no Blog. Não somente porque escreveremos para pessoas comuns, muitos talvez leigos no assunto, mas, sobretudo, porque também escreveremos para especialistas.

E hoje tivemos a prova disso. Em nosso primeiríssimo dia.

Recebemos, dentre os muitos emails bacanas, uma mensagem simples, mas que nos deixou muito satisfeitos. Em duas linhas – pontuadas – seu remetente foi curto e objetivo: 1) parabenizou-nos pela iniciativa e 2) revelou-se também um curioso do Direito informático, registrando seu site pessoal.

Mal sabe ele, jurista respeitado que é, que já o conhecíamos por sua atuação profissional pública e, menos ainda, que já consultávamos seu site e já lemos de trás para frente seu livro eletrônico sobre informática jurídica e Direito da Informática! Aliás, seu site está entre nossos Favoritos do navegador… 🙂

Esse visitante ilustre é o Professor Aldemário Araújo Castro, Procurador da Fazenda Nacional e Conselheiro Federal da OAB (pelo DF).

Obrigado, Professor, pela deferência! Esperamos poder contar com sua colaboração e experiência nessa área!

E assim vamos em frente. Hoje foi só confete. Amanhã, o Blog passa a fazer parte do nosso dia-a-dia pra valer. Entre prazos, projetos e trabalhos, agora temos mais este desafio a superar.

Mas, afinal, quem tem medo de trabalho?

Como diz o porteiro do meu prédio:

Caminhão que fica parado não faz frete, doutor!

É isso aí, Seu Jonas. Sabedoria popular rulez!

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s